Número total de visualizações de página

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Goleada Leonina frente ao Horsens

Wolfswinkel madrugou para quebrar o «jejum».


 A figura: Ricky van Wofswinkel
O holandês ainda não recuperou completamente o sorriso. Talvez esteja ressentido pelas dúvidas que os primeiros três jogos suscitaram, junto dos adeptos, mas a verdade é que se reencontrou com os golos. E logo em dose dupla. No ano de estreia em Alvalade só tinha marcado em setembro, mas agora conseguiu antecipar os festejos.

O momento: a primeira vantagem da época
Estavam cumpridos apenas oito minutos quando Ricky van Wolfswinkel inaugurou o marcador, em Alvalade. Um golo importante para o holandês, que ainda não tinha festejado em 2012/13, e para a própria equipa, que pela primeira vez esta época se viu em vantagem.

Outros destaques:

Carrillo
Sai beneficiado com o adiantamento no terreno de Elias, que lhe dá maior liberdade. Pode procurar posições interiores com maior frequência, que o brasileiro faz o movimento inverso, para além das ocasiões em que Cédric também procura subir com rigor. Ganha também mais soluções de passe, evitando-se assim que insista em excesso nos «sprints» pela linha. Logo aos quatro minutos ofereceu um golo feito a Elias, que este desperdiçou, e na segunda parte marcou um golo fantástico, com um remate forte e colocado, de fora da área, ao ângulo superior direito da baliza do Horsens.

Elias
Só tem a ganhar com uma maior proximidade da área. Mais em linha com Adrien, mas ligeiramente descaído à direita, o brasileiro conseguiu estabelecer uma ligação sólida com Wolfswinkel e com Carrillo. E assim fica mais perto do golo, que alcançou ao minuto 63.

Boulahrouz
O defesa holandês tem sido um dos elementos mais regulares do Sporting, neste início de época. Nesta receção ao Horsens esteve muito sólido, uma vez mais, mas sem muito trabalho defensivo até teve a possibilidade de dar uma ajudinha no ataque, com uma grande assistência para o tento inaugural, do compatriota Wolfswinkel.

Ronnow
A equipa dinamarquesa surpreendeu, na verdade, com a réplica dada em casa, mas na visita a Alvalade revelou todas as suas limitações. Ronnow foi, ainda assim, o elemento que mais perto esteve do nível exibido na primeira mão. O guarda-redes do Horsens nada podia fazer para evitar os cinco golos, e ainda teve duas intervenções de grande nível, a evitar uma derrota ainda mais pesada. 

in Mais Futebol

Sem comentários:

Enviar um comentário